Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, domingo, 22 de maio de 2022

Política

Imprensa é primeira 'vítima' da demora na aprovação do Orçamento 2022 da Prefeitura de Feira

17 de Janeiro de 2022 | 12h 38
Ouvir a matéria:
Imprensa é primeira 'vítima' da demora na aprovação do Orçamento 2022 da Prefeitura de Feira
Foto: Divulgação

A primeira consequência da demora da Câmara em aprovar o Orçamento Municipal de Feira de Santana atinge a imprensa da cidade. A partir de hoje, está suspensa a publicidade institucional da Prefeitura, anuncia o secretário de Comunicação, jornalista Edson Borges.

O Orçamento de 2022 deveria ter sido votado até 15 de dezembro – o recesso do Poder Legislativo começou dia um dia depois. Será preciso convocar os vereadores para sessões extraordinárias, para discussão da matéria. Semana passada, a Câmara devolveu o projeto ao Poder Executivo, sugerindo adequações ao texto.

Em nota, o secretário explica que esse é um ato necessário, até que “o assunto seja esclarecido”. Entenda-se: até que o projeto seja finalmente aprovado ou o Jurídico do Governo encontre um meio legal de retomar a propaganda.

O titular da Secom enfatiza que o órgão não está responsabilizando os vereadores pelo problema, “diferente da interpretação que está ocorrendo por parte de alguns jornalistas”. Conforme a pasta, a adoção da medida é, apenas, para evitar que o Executivo Municipal incorra em ilegalidade.

Segundo Edson Borges, não compete à Secom julgar e culpar a Câmara: “Estamos apenas informando a suspensão da nossa mídia, em razão da orientação dos técnicos responsáveis pela área orçamentária do Município, enquanto a situação não se resolve”, frisou, salientando que providências estão sendo tomadas no sentido de resolver a situação o mais rápido possível.



Política LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje