Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, domingo, 03 de maro de 2024

André Pomponet

O próximo prefeito e o Centro de Abastecimento

André Pomponet - 09 de Fevereiro de 2024 | 18h 24
O próximo prefeito e o Centro de Abastecimento

2024 é ano de eleição municipal. Época boa para perguntar a quem pretende chegar à prefeitura e à vereança o que pretende fazer, quais são os planos, o que vai se mudar na vida da cidade. Muitos temas estão postos aí, urgentes. Um dos que exige solução há mais tempo é o Centro de Abastecimento da Feira de Santana. O que se pretende fazer com o emblemático entreposto?

Lixo, insegurança, desorganização, más condições de conservação, problemas de acesso e no trânsito no entorno, tudo isso vem sendo exaustivamente mencionado há tempos. A atenta imprensa feirense sempre toca no assunto, registrando as reclamações dos freqüentadores do entreposto.

A única novidade dos últimos anos é que acoplaram ao Centro de Abastecimento um problema adicional. Trata-se do polêmico shopping popular, que vive interminável litígio entre concessionários e administradores da parceria público-privada. Para a construção do empreendimento, que segue apenas parcialmente ocupado, o Centro de Abastecimento perdeu boa parte de sua área.

Aquela região, há tempos, exige uma intervenção abrangente, organizada, competente. Contígua está a Praça do Tropeiro, muito degradada. Pena quem precisa se deslocar por aquelas cercanias, a pé ou recorrendo ao problemático transporte público. Um projeto arrojado e – por quê não? – grandioso pode resgatar todo o entorno, tornando-o dinâmico e economicamente atrativo.

Aqui na Feira de Santana sempre se importam, festivamente, modelos, referências de outras cidades. O melhor caminho certamente é se inspirar não nas intervenções realizadas em outros lugares, mas na competência técnica de suas equipes. Salvador – aqui do lado! – é uma referência interessante em gestão.

Uma mudança do gênero, porém, exige reestruturação administrativa, atração e investimento em pessoal técnico – concursos públicos são excelente caminho -, expertise em captação de recursos, adoção de modernos modelos de gestão e por aí vai. Enfim, modernização. Dá um excelente capítulo num plano de governo.

Mas o Carnaval está aí às portas, a Feira de Santana vai se esvaziando, o povo tomando o rumo dos circuitos e das praias, não é o momento de ficar falando dessas coisas. Isso é pra mais adiante, é necessário esperar pelo menos o fim do Carnaval...



André Pomponet LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

Charge do Borega

As mais lidas hoje