Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, domingo, 22 de maio de 2022

César Oliveira

A campanha presidencial e o crescimento de Bolsonaro nas pesquisas

02 de Maio de 2022 | 13h 43
Ouvir a matéria:
A campanha presidencial e o crescimento de Bolsonaro nas pesquisas

Os dados das novas pesquisas eleitorais - Instituto Paraná-  trazem preocupantes números para o PT. Bolsonaro já estaria à frente de Lula, em São Paulo- maior colégio eleitoral do país, e,empatado, na Região Sudeste e Centro Oeste, dentro da margem de erro. Pesquisas distantes da eleição são nuvens passageiras   sujeitas a vários ventos de influência, mas a demissão do marqueteiro do ex-presidente sugere que deve haver algo de verdade nessa pesquisa e  preocupações  na campanha dele, até porque as declarações que tem feito não tem ajudado. 

O crescimento de Bolsonaro começou a partir do impedimento da candidatura de Sérgio Moro, na União Brasil, com a decisiva ação de ACM Neto e Ronaldo Caiado. Uma colaboração visível.  Evidente que o eleitor de Moro é, em significativa parte, eleitor de Bolsonaro em busca de algo melhor, além de anti-petista, afinal, a Lava-Jato colou de forma definitiva a marca da corrupção no partido. Aliás, o partido e suas viúvas partidárias, no Judiciário, incluindo o Tribunal de Contas da União, o STF, fizeram de tudo para anular as condenações da Lava-Lato e perseguir Moro que tinha 8% de intenções de voto.

 A estratégia petista parece ter sido um tiro no pé, pois os votos de Moro estão migrando  de volta ao ninho bolsonarista já que a Terceira Via se tornou lenda urbana, uma espécie de mula-sem-cabeça. Com Moro no jogo, dividindo o eleitor do atual presidente, as chances de Lula seriam maiores. Não bastasse, o STF, deu a oportunidade de Bolsonaro aparecer como defensor da liberdade no caso do bizarro deputado Silveira. A esta altura comendo seu pão com leite condensado Bolsonaro deve estar agradecendo o bom trabalho feito pelos adversários.

 



César Oliveira LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje