Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, terça, 18 de janeiro de 2022

Segurança

Estudante de medicina é conduzido à delegacia, em FSA, sob acusação de exercício ilegal da profissão

22 de Outubro de 2021 | 10h 20
Ouvir a matéria:
Estudante de medicina é conduzido à delegacia, em FSA, sob acusação de exercício ilegal da profissão
Foto: Ed Santos/Acorda Cidade

Um estudante de medicina foi detido e conduzido ao Complexo de Delegacias do bairro Sobradinho, em Feira de Santana, na manhã desta sexta-feira (22), sob a acusação de estar exercendo a medicina ilegalmente. Segundo o Acorda Cidade, a Polícia Civil informou que o suspeito estava atendendo pacientes em um hospital particular da cidade, com o número do Conselho Regional de Medicina (CMR) de outro profissional.

O caso vinha sendo investigado pela 1ª Coordenadoria da Polícia Civil, após o recebimento de uma denúncia. O inquérito confirmou a ilegalidade da atuação do estudante como médico.

Em entrevista ao Acorda Cidade, o vereador Emerson Minho (DC), presidente da Comissão de Saúde da Câmara Municipal de Feira de Santana, disse que a denúncia foi feita por pacientes.

Por se tratar de denúncia grave, o parlamentar explicou que a situação foi passada à polícia, para ser investigada. "Isso tudo começou através de uma denúncia que chegou até a nossa Comissão de Saúde. A comissão tem o poder de investigar, mas preferimos passar para um órgão mais competente, que é o caso da Polícia Civil, para que pudesse acompanhar este caso. No dia de hoje, teve essa operação e nós fomos acompanhar o caso e, realmente, foi confirmado tudo que tinha sido relatado na denúncia: um médico se passando por outro. Os investigadores trouxeram ele, aqui, para o Complexo, para ser ouvido", explicou.

Emerson Minho disse, ainda, que uma das pacientes que realizou a denúncia percebeu que, na primeira consulta, o médico aparentava ter uma idade mais avançada e, no retorno, se deparou com outro jovem, com o mesmo nome. "Algumas pessoas estão dizendo que ele já estudou medicina, mas eu ainda não sei se realmente ele está estudando. Se realmente ele é médico ou não. Uma senhora estranhou ser atendida por ele, porque, na primeira consulta, o médico era um senhor mais velho e, na segunda vez, já era um jovem, porém com o mesmo nome. Graças a Deus, os policiais conseguiram tirar de circulação este homem, mas, infelizmente, é uma situação triste para a cidade de Feira de Santana", concluiu.



Segurança LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje