Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, segunda, 10 de agosto de 2020

Saúde

Hospital Especializado Lopes Rodrigues amplia espaço da emergência

23 de outubro de 2015 | 15h 55
Hospital Especializado Lopes Rodrigues amplia espaço da emergência
Hospital Especializado Lopes Rodrigues , volta ao atendimento de pacientes psiquiátricos

Para oferecer maior conforto aos usuários, a diretoria do Hospital Especializado Lopes Rodrigues (HELR), no município de Feira de Santana, voltado ao atendimento de pacientes psiquiátricos, adequou área física desativada de antigo ambulatório e transferiu a emergência, que está funcionando com seis leitos de observação. 

De acordo com a diretora da unidade, Iraci Leite da Silva, antes a emergência funcionava em espaço subdimensionado, causando transtornos e insatisfação no atendimento. “Otimizando recursos humanos e financeiros, conseguimos muito com menos e fazer melhor com o que temos, procurando investir no essencial”.  A equipe de manutenção predial usou a maioria dos materiais retirados de outras áreas que estão sendo desativadas para realizar a reforma.

“O resultado é uma emergência mais espaçosa, com melhores condições na estrutura física, maior satisfação da equipe de saúde e do usuário, permitindo um trabalho mais humanizado”, explica a Iraci, acrescentando que o número de leitos de observação permanece o mesmo, sempre em atenção à reforma psiquiátrica.

O hospital possui ainda um núcleo de moradores, de longa permanência, com 119 pessoas, uma emergência psiquiátrica, com seis leitos de observação e dois pavilhões de internamento de curta duração (masculino e outro feminino), com 20 leitos cada, destinados a pacientes com transtornos mentais em crise e usuários de substâncias psicoativas em situação de internações compulsória ou involuntária, provenientes de atendimentos prévios na emergência deste hospital, que tem funcionamento de 24 horas. “Importante salientar que de janeiro a julho deste ano foram realizados 1.317 atendimentos na emergência. Destes, 64% oriundos do município de Feira de Santana e 36% de outros municípios da Bahia e estados”, diz a diretora.
 

FONTE: SECOM-BA



Saúde LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje