Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, terça, 22 de setembro de 2020

Brasil

Ex-ministro José Dirceu pode perder carteira da OAB

24 de agosto de 2015 | 09h 51
Ex-ministro José Dirceu pode perder carteira da OAB
A OAB vai analisar o pedido apresentado por um advogado

O  conselho seccional paulista da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) vai analisar  o pedido apresentado por um advogado que questiona o motivo do ex-ministro José Dirceu ainda estar inscrito no quadro da entidade após ser condenado por corrupção na Ação Penal 470, o mensalão. O autor alega que as condutas imputadas ao ex-ministro pelo Supremo Tribunal Federal (STF) são contrárias à idoneidade moral exigida para se exercer a advocacia.

A carteira 90.792 só será cassada ou suspensa se houver voto favorável de ao menos dois terços dos 80 conselheiros titulares. Em 2010, um pedido parecido foi apresentado, com base na cassação do cargo de deputado federal por falta de decoro parlamentar, mas o Tribunal de Ética e Disciplina da OAB-SP negou o pedido.

Na época, o tribunal avaliou que somente pode ser considerado inidôneo quem tivesse processo disciplinar parlamentar ou ação penal sem possibilidade de recurso. No início deste mês de agosto, Dirceu voltou a ser preso em caráter preventivo, já cumprindo regime domiciliar em Brasília, por ter seu nome envolvido na Operação Lava Jato.



Brasil LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje