Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, quinta, 06 de agosto de 2020

Bahia

Crianças se encantam com Metrô de Salvador e Fonte Nova

18 de agosto de 2015 | 15h 25
Crianças se encantam com Metrô de Salvador e Fonte Nova
Estudantes visitam Metrô e Arena Fonte Nova

Com o celular grudado no vidro de um dos vagões do Metrô de Salvador, a estudante de 10 anos, Emily Silva, estava encantada com o que conseguiu enxergar da cidade, onde nasceu e sempre morou. Enquanto olhava pela janela e gravava tudo no smartphone, mal interagiu com os amigos durante boa parte da “viagem” de metrô e sorriu ao ver a Fonte Nova. Ela estava entre os 122 alunos da Escola Joaquim Ferreira, do bairro de São Cristóvão, que, acompanhados de 18 professores e alguns pais, visitaram os equipamentos, na manhã desta terça-feira (18).

Pela primeira vez andando de metrô, Emily ficou impressionada de como lhe parece a cidade vista de cima, e como é diferente do ônibus, que já experimentou, acompanhada dos pais. “Não tem nem comparação. Andar de metrô é muito melhor. As coisas daqui são mais bonitas e é mais confortável, não precisa ficar parando toda hora e não tem engarrafamento”. A amiga que estava ao lado, Sophia Maria Lima, concordou com Emily e também fotografou boa parte do trajeto feito grupo - da Estação do Retiro até a Lapa, de onde retornaram para o ponto de partida.

As duas meninas estão entre as mais de 15 mil crianças que, em grupos escolares, já foram recepcionadas para conhecer o metrô de Salvador, pela concessionária CCR, responsável pela operação do sistema metroviário. A ideia é apresentar aos pequenos o funcionamento e proporcionar, para grande parte deles, a primeira experiência com o meio de transporte recente na capital. Além disso, as visitas possibilitam que as crianças conheçam as intervenções de mobilidade realizadas na cidade e incentivem a sociedade a fazer o mesmo. 

De acordo com o gestor de atendimento da CCR, Amilton Andrade, o objetivo é conscientizar as crianças sobre o uso consciente dos futuros cidadãos e mostrar a importância do novo modal. “Aqui, buscamos despertar o conceito de cidadania nessas crianças, mostrar a expansão do sistema de transporte rápido e seguro, e incentivar também a preservação do patrimônio público”.

Depois de instruções de segurança, o trajeto percorre cinco das seis as estações em funcionamento, em operação - Lapa, Campo da Pólvora, Brotas, Acesso Norte, Retiro e Bom Juá. O grupo ainda passou pelo terminal em construção do Bonocô, que será inaugurado até o final deste ano. Um dos pontos mais comemorados pelo grupo foi a visão da Arena Fonte Nova, a segunda parada no passeio desta terça. Ao avistarem o estádio, formou-se um coro de “Uh! Chegou! Chegou na Fonte Nova!”, entoado até a arena desaparecer das janelas do metrô. 

Estádio

Depois de deixar o metrô, os 122 alunos puderam conhecer a parte interna da Itaipava Arena Fonte Nova, investimento que permitiu a recepção de eventos nacionais e internacionais, como os jogos da Copa do Mundo. O grupo foi acompanhado por monitores, que explicavam cada parte do estádio, como o setor para imprensa, camarotes, vestiário, e a lateral do campo.

Entre os mais novos do grupo, com 4 anos, e inseparáveis durante toda a visita, os colegas de sala Pietro, Luís Augusto e Helton ficaram surpresos ao enxergar a arquibancada de um dos pontos mais altos da Arena. Os três pequenos torcedores do Bahia foram ao estádio pela primeira vez e já falavam em voltar para assistir uma partida do time.

O organizador do passeio e dono de uma empresa de turismo, Sérgio Henrique Fernandes, conhecido como Bebeto, falou sobre a satisfação de trabalhar com crianças e escolas, o que faz há cerca de 30 anos. “A ideia desse trajeto é apresentar às crianças algo a mais, além dos tradicionais pontos turísticos. É uma possibilidade de uma aula fora das salas, um oportunidade para apresentar a eles a Salvador moderna, a nova cara da nossa cidade”.

FONTE: SECOM-BA



Bahia LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje