Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, terça, 30 de novembro de 2021

Câmara Municipal

Atraso na construção do CMDI e uso de emenda de Irmão Lázaro são questionados em requerimento

27 de Setembro de 2021 | 13h 19
Ouvir a matéria:
Atraso na construção do CMDI e uso de emenda de Irmão Lázaro são questionados em requerimento
Foto: Ascom/Câmara Municipal

Aprovado na última semana, pela Câmara Municipal de Feira de Santana, o Requerimento nº 230/221, de autoria do vereador Emerson Minho (DC), questiona o valor da emenda parlamentar que o então deputado federal Antônio Lázaro Silva, mais conhecido como Irmão Lázaro, destinou para a construção do Centro Municipal de Diagnóstico por Imagem (CMDI), gerido pela Fundação Hospitalar de Feira de Santana (FHFS).

Segundo Emerson Minho, que atua como presidente da Comissão de Saúde, Desportos e temas afins da Casa Legislativa, é preciso que as informações acerca do valor da obra sejam esclarecidas, bem como o seu tempo de duração, início e término. Com o documento, o edil também busca saber quanto a Prefeitura investiu de recursos próprios para fazer a gestão junto à emenda e finalizar a obra. Também se a verba foi destinada. 

O requerimento é direcionado à presidente da FHFS, Gilberte Lucas, para que ela preste tais esclarecimentos, considerados de grande relevância para os munícipes de Feira de Santana. A população, segundo Minho, necessita de explicações e intervenções pontuais em caráter de urgência, pois vem sofrendo bastante com a não construção do CMDI na Fundação.

Para o vereador, conforme consta no Requerimento, esses contratempos têm provocado "gigantesca insegurança, dissabor e sentimento de descaso com a vida humana". Sendo assim, ele cobra que todos os dados relativos ao projeto venham a público de forma detalhada, a fim de que sejam tomadas providências para resolver tal transtorno. O parlamentar enfatizou, ainda, que o problema interfere, diretamente, na qualidade de vida e de saúde da população.



Câmara Municipal LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje