Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, terça, 22 de setembro de 2020

Segurança

Adolescente que disparou tiro que matou amiga em MT é liberada de cumprir medida socioeducativa um dia após internação

16 de setembro de 2020 | 14h 54
Adolescente que disparou tiro que matou amiga em MT é liberada de cumprir medida socioeducativa um dia após internação
Foto: Divulgação
A adolescente apontada como responsável pela morte em Cuiabá (MT) de Isabele Guimarães, de 14 anos, conseguiu nesta quarta-feira (16) habeas corpus para que seja liberada de cumprir medida socioeducativa. A decisão da Justiça foi tomada um dia depois da internação dela, após a defesa alegar que a medida é ilegal.
 
Isabele morreu com um tiro no rosto em 12 de julho deste ano, em um condomínio de luxo de Cuiabá, onde morava a amiga, de 15 anos. O disparo foi feito pela adolescente, que, durante as investigações, alegou ter sido acidental.
 
Na noite dessa terça-feira (15), a garota se apresentou à Delegacia Especializada do Adolescente, após a juíza Cristiane Padim, da Vara da Criança e da Juventude de Mato Grosso, determinar a internação dela por 45 dias.
 
A decisão pela internação atendeu a um pedido do Ministério Público Estadual (MPE), que entendeu que a adolescente cometeu ato infracional análogo ao crime de homicídio doloso, quando há intenção de matar.
 
A Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp-MT) informou nesta quarta-feira que ainda não havia sido notificada sobre a decisão que determina que a garota seja liberada.
 
A Sesp informou ao G1 que a adolescente foi levada para a ala feminina do Complexo Pomeri, em Cuiabá. Ela passou a noite na unidade isolada das demais, como mostra o vídeo acima, seguindo o protocolo de prevenção contra o novo coronavírus, que estabelece sete dias para monitoramento das condições de saúde e possíveis sintomas.
 
Após este período, segundo a Sesp-MT, a menina seria integrada à rotina da unidade, junto com as demais internadas. Segundo a secretaria, a adolescente recebe atendimento psicossocial. O Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) feminino de Cuiabá possui 15 vagas e atualmente abriga 5 adolescentes.


Segurança LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje