Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, sábado, 15 de agosto de 2020

Política

Em mensagem direta a Ronaldo, Targino diz que reeleição cria ditador e pede que seu grupo 'largue o osso'

30 de julho de 2020 | 10h 52
Em mensagem direta a Ronaldo, Targino diz que reeleição cria ditador e pede que seu grupo 'largue o osso'
Foto: Neuza Menezes/Agência-ALBA
Em uma mensagem direta ao ex-prefeito José Ronaldo, o deputado estadual Targino Machado, pré-candidato a prefeito pelo DEM, mas com poucas chances de ser consagrado em convenção partidária, gravou mais uma mensagem em vídeo esta semana, com uma frase tanto emblemática quanto suspeita, muito usada na política quando se  diz  que alguém está tirando proveito próprio de algo público: "por favor, larguem o osso".
 
Segundo o deputado, em Feira de Santana, "há 20 anos (na administração municipal) só as mesmas caras têm sido privilegiadas". Nessas duas décadas a que se refere Targino, Ronaldo  permaneceu 13 anos e quatro meses no poder. 
 
O restante dessas duas décadas é dividido entre o ex-prefeito Tarcízio Pimenta, quatro anos no cargo, eleito sob as bênçãos de Ronaldo, e Colbert Martins Filho (ao final do mandato terá cumprido dois anos e oito meses), eleito originalmente para ser vice do recordista de mandatos de gestor municipal.
 
"Sempre que um prefeito se reelege nasce um ditador", diz Targino em sua mais recente mensagem de vídeo. Reeleito, em Feira de Santana, nos últimos 20 anos, só teve um: José Ronaldo. Agora, a reeleição está sendo postulada por Colbert Filho.  
 
Há um detalhe importante, mesmo que quase imperceptível, no entanto, no discurso de Targino. Ele é pré-candidato do DEM, partido controlado no município, justamente, por José Ronaldo. Para passar a sua candidatura em convenção, ela teria que ser avalizada por ninguém menos que o próprio ex-prefeito. 
 
Haveria alguma chance de o DEM estar no poder, a partir de 1 de janeiro de 2021, sem que o candidato do partido, seja ele quem for, tenha passado pelo crivo de Ronaldo e, por consequência, uma aliança política e de gestão com ele?


Política LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje