Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, quinta, 13 de agosto de 2020

Bahia

Anísio Teixeira é declarado, pelo Estado, Patrono da Educação na Bahia

23 de julho de 2020 | 08h 34
Anísio Teixeira é declarado, pelo Estado, Patrono da Educação na Bahia
Foto: Reprodução - Fundação Anísio Teixeira
Sancionada nesta quinta-feira pelo governador Rui Closta, em publicação no Diário Oficial do Estado, a lei que declara o educador Anísio Teixeira como "Patrono da Educação na Bahia". O carioca Anísio Spínola Teixeira, nascido em Caetité, Rio de Janeiro, a 12 de julho de 1900, morreu em 11 de março de 1971.
 
Foi jurista, intelectual, educador e escritor. Personagem central na história da educação no Brasil, nas décadas de 1920 e 1930, difundiu os pressupostos do movimento da Escola Nova, que tinha como princípio a ênfase no desenvolvimento do intelecto e na capacidade de julgamento, em preferência à memorização. 
 
Reformou o sistema educacional da Bahia e do Rio de Janeiro, exercendo vários cargos executivos. Foi um dos mais destacados signatários do Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova, em defesa do ensino público, gratuito, laico e obrigatório, divulgado em 1932. 
 
Fundou a Universidade do Distrito Federal, em 1935, depois transformada em Faculdade Nacional de Filosofia da Universidade do Brasil. Informações extraídas do Wikipédia.


Bahia LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje