Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, sábado, 06 de junho de 2020

Política

Ideia de que temos que escolher entre a vida ou a economia é falsa, diz Rui Costa

01 de abril de 2020 | 10h 01
Ideia de que temos que escolher entre a vida ou a economia é falsa, diz Rui Costa
Foto: Carlos Prates/GOVBA

“A vida ou a economia? A ideia de que temos que escolher é falsa”. A declaração é do governador da Bahia, Rui Costa (PT), que intensificou na noite de terça-feira (31) o pedido para que a população continue em isolamento social como forma de combater a proliferação no novo coronavírus (Covid-19).

Presidente do Consórcio Nordeste, Rui divulgou uma campanha da entidade “em defesa a vida”, tentando desmistificar a ideia disseminada por alguns empresários de que, para salvar a economia, muitos precisarão morrer no Brasil.

O vídeo cita o que ocorreu em Milão, onde o prefeito Giuseppe Sala patrocinou uma campanha para que a população local retornassem às ruas e, depois de mais de 4,4 mil mortes na região, admitiu que errou e pediu desculpas publicamente.

“Por ter adiado o isolamento, a quarentena em toda a Itália vai custar muito mais tempo, muito mais dinheiro. Não respeitar o isolamento matou um número muito maior de pessoas. E dizimou a economia. Podemos aprender com os erros da Itália, da Espanha e dos EUA, e começar, desde já, o isolamento de todos, preservando milhares de vidas e a nossa economia. Ou podemos voltar para as ruas e levar o Brasil ao colapso e às mortes”, diz a campanha.

O vídeo conclui apresentando o posicionamento do Consórcio Nordeste, entidade que reúne os nove chefes de Executivo da região e que vai contra ao que vem sendo defendido pelo presidente Jair Bolsonaro, este que pede o isolamento vertical (manter em quarentena somente pessoas com maior risco de sofrer com a doença).

“Nós preferimos manter as pessoas e a economia vivas. Afinal, para que deveria servir a economia, senão para o bem-estar das pessoas? Fique em casa”.

Na publicação em que compartilhou a campanha, Rui Costa reforça a necessidade de aprender com os países que sofrem com os problemas provocados pela pandemia há mais tempo. “Precisamos aprender com exemplos que outros países nos deram. Não vamos pagar o preço da irresponsabilidade com as vidas de nossos entes queridos”, afirmou.

Assista:

 

A vida ou a economia? A ideia de que temos que escolher é falsa. Precisamos aprender com exemplos que outros países nos deram. Não vamos pagar o preço da irresponsabilidade com as vidas de nossos entes queridos. Uma campanha do em defesa da vida.

 
Vídeo incorporado
 
 
 

FONTE: Bahia.ba



Política LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje