Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, sexta, 03 de abril de 2020

Geral

35 Anos do Axé Music

19 de fevereiro de 2020 | 09h 38
35 Anos do Axé Music

Por: Edilson Veloso

Se pegarmos a história da musica baiana (a que foi rotulada de Axé Music) bem antes de 1985, quando ela foi assim  batizada. Basta lembrar-se da Banda Salamandra. Cheiro de Amor que se chamava Pimenta de Cheiro, Chiclete com Banana era Banda Scorpions e, por aí vai. Araketu, Ilê Aiyê, Olodum e outros afros, já traziam a cena musical com gosto e cara de Bahia africanizada.

A Sociedade Carnavalesca Afoxé Filhos de Gandhi nasceu em 1949 com o intuito de levar a frente o ideal de Mahatma Gandhi, que sempre foi a paz.

Depois disso, vieram excelentes nomes que nem dá para citar devido à quantidade e, talvez eu cometesse injustiça. Mas não devo me furtar de destacar dois nomes que dignificaram o Axé Music: Banda Reflexus e o melhor compositor de todos os tempos, Tonho Matéria. Ambos dão uma ideia do que representa o canto do nosso povo.

O Axé Music que nos proporcionou grandes momentos não só no carnaval baiano, mas também fora dele, haja vista que muitos chamados “carnavais fora de época” (os quais se originaram da Micareta de Feira de Santana), consumiram e reverenciaram nossa musica pelo Brasil e pelo mundo. A riqueza dessa musica é tão grande que dá para ouvirmos pelo menos mil sucessos sem repetir.

Não se pode negar que com ou sem rótulo, aprendemos muito mais que musica em si; aprendemos principalmente, poesia e várias coisas da história geral. Desde o desígnio do povo negro, partindo berço mãe da humanidade, a linda, porém sofrida África, até poesias belíssimas.

Sim; o Axé Music nos deu aulas e nos fez refletir e estudar. Letras que se tornaram teses de mestrado e doutorado, quão a sua beleza e verdade.

Quanto a dizer que o Axé Music morreu, vale ressaltar que os arquivos estão aí. A boa musica não morrerá jamais!

 

Autor: Edilson Veloso é Professor de Educação Física, Radialista e Pesquisador de música.



Geral LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje