Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, quarta, 23 de setembro de 2020

Política

ACM Neto diz que Bolsonaro fez menos pelo Nordeste do que poderia

23 de janeiro de 2020 | 09h 51
ACM Neto diz que Bolsonaro fez menos pelo Nordeste do que poderia
Foto: Divulgação/Facebook

O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), afirmou nesta quinta-feira (23) que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) “fez menos pelo Nordeste do que poderia ter feito” em seu primeiro ano de governo.

“Acho que ele fez menos pelo Nordeste, no primeiro ano de governo, do que poderia ter feito. Faço aqui essa crítica publicamente. Ele poderia ter olhado mais para o Nordeste do que olhou. Espero que o governo, a partir de agora, quando terá maior capacidade de investimento e voltará a ter recursos, garanta de fato a presença no Nordeste, porque ainda existe uma desigualdade regional muito grande no Brasil e, para diminuir esse fosso, o Nordeste precisa da presença do governo federal”, declarou em entrevista à rádio Metrópole.

Embora admita ter apoiado o capitão da reserva na eleição de 2018, ACM Neto voltou a negar que o DEM —atualmente dono de três ministérios na Esplanada— faça parte da base de apoio ao Planalto.

“Agora dizer que sou contra ele [Bolsonaro], que vou torcer contra ele? Não. Porque estaria contra o país”, disse o prefeito.

“Salvador sabe qual é a minha posição em relação a Bolsonaro.  Em 2018, no primeiro turno, eu não votei em Bolsonaro. No segundo turno, eu declarei meu voto em Bolsonaro, porque não tinha nenhuma condição de votar no PT. De lá pra cá, como presidente nacional do Democratas, eu procurei manter o partido numa posição de compromisso com a agenda do país. Mas, hora nenhuma, eu permiti que o Democratas, se tornasse base oficial do governo. Isso tem um peso simbólico muito grande”, afirmou ACM Neto.

FONTE: Bahia.ba



Política LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje