Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, terça, 19 de novembro de 2019

Mundo

Após Vice-Presidência informar que Mourão não assumiria, Bolsonaro decide transmitir cargo

04 de setembro de 2019 | 16h 05
Após Vice-Presidência informar que Mourão não assumiria, Bolsonaro decide transmitir cargo
A Vice-Presidência da República informou que recebeu no início da tarde desta quarta-feira (4) um novo telefonema do gabinete do presidente Jair Bolsonaro para dizer que ele transmitirá, sim, o cargo ao vice Hamilton Mourão antes de se submeter a uma cirurgia em São Paulo, no domingo. Com isso, Mourão será o presidente em exercício de domingo a terça-feira (10).
 
O presidente fará uma nova cirurgia para correção de uma hérnia formada na região das intervenções anteriores, motivadas pela facada que recebeu durante um ato da campanha eleitoral do ano passado.
 
A informação inicial da Vice-Presidência, fornecida ao blog, era a de que Bolsonaro não transmitiria o cargo. Essa decisão teria sido tomada na noite de terça (3).
 
"Foi um mal-entendido", afirmou o coronel Moniz Costa, assessor de imprensa da Vice-Presidência depois de receber ligação do porta-voz do presidente, general Rêgo Barros, dando a nova informação.
 
Ao dar a informação ao blog, a equipe do vice-presidente Hamilton Mourão disse que não considerava aquela decisão uma novidade porque na última cirurgia de Bolsonaro não transmitiu o cargo ao vice.
 
De acordo com o coronel Moniz Costa, a Vice-Presidência recebeu, de fato, na noite de terça a informação de que Hamilton Mourão não assumiria a Presidência da República. Mesmo assim, Mourão cancelou uma viagem que faria ao Reino Unido.
 
Desde esta terça, houve duas mudanças. Na manhã de terça, Bolsonaro iria transmitir o cargo ao vice. À noite, não mais. E na tarde desta quarta, voltou à situação anterior: a decisão é de que Mourão assumirá o exercício da presidência da República por três dias.


Mundo LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje