Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, sexta, 23 de agosto de 2019

Esporte

FBF cancela Copa Governador do Estado e frustra centenas de profissionais

30 de julho de 2019 | 10h 14
FBF cancela Copa Governador do Estado e frustra centenas de profissionais
Foto: Hilton Oliveira / Galícia EC

Uma notícia pegou os times da Série B do Campeonato Baiano de surpresa: a Federação Bahiana de Futebol (FBF) cancelou a Copa Governador do Estado deste ano, alegando que não houve a quantidade mínima de clubes da Série A inscritos para a competição, o que evidencia a falência do futebol baiano.

Sendo assim, a vaga para a Série D 2020, que seria dada ao campeão da Copa, ficou, "coincidentemente", para o Vitória da Conquista, cidade do ex-presidente da entidade, já que o clube ficou na 4ª colocação do Campeonato Baiano deste ano.

Com isso, centenas de jogadores e profissionais seguem desempregados, já que equipes como UNIRB, Canaã, Olímpia, Jequié, Galícia, entre outros, contavam com esta competição para dar prosseguimento ao calendário de 2019, mas a FBF cancelou a Copa Governador e tirou o sonho de muitos.

Realizada desde 2009, a Copa Governador do Estado da Bahia tem como objetivo premiar o campeão da competição com uma vaga para a disputa da Série D do Campeonato Brasileiro do ano seguinte. A Federação Bahiana de Futebol é quem promove a Copa e ela não acontece desde 2016. No mês de junho, a entidade confirmou que o certame aconteceria, dando esperança aos dirigentes dos clubes mais modestos, assim como aos profissionais envolvidos e aos atletas que estão desempregados, que se mobilizaram visando a competição.

De acordo com o regulamento, pelo menos quatro equipes que disputaram a Série A do Baiano no ano corrente devem se inscrever para a competição. De todos os dez times, apenas Bahia, Vitória e Jacuipense seguem com calendário. O time de Riachão do Jacuípe joga pelo menos até o próximo domingo (4), quando enfrenta o Manaus, pela semifinal da Série D, podendo ter mais duas partidas no ano, caso avance para a final.

As outras sete equipes da Série A e todas as que disputaram a Série B do Campeonato Baiano estão sem calendário. Para estes clubes resta apenas esperar mais seis meses para disputar uma competição que tem no máximo 12 datas e dura quatro meses, que é o Campeonato Baiano.

FONTE: Galáticos Online



Esporte LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje