Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, terça, 23 de julho de 2019

Câmara Municipal

Parecem campos de refugiados, diz vereador sobre residenciais Minha Casa, Minha Vida

13 de maio de 2019 | 15h 40
Parecem campos de refugiados, diz vereador sobre residenciais Minha Casa, Minha Vida
Foto: Reprodução
O vereador Roberto Tourinho (PV), afirmou hoje, durante pronunciamento na Câmara Municipal que os residenciais do Programa Habitacional Minha Casa, Minha Vida, em Feira de Santana, estão se transformando em “verdadeiros campos de refugiados”.
Para o edil, as pessoas estão carentes de saúde, educação e pavimentação.
 
“Além disso, eles estão recebendo contas de água com valores altos, apesar da constante falta no fornecimento. Pessoas que não podem chamar um Uber, pois o Uber não entra lá. Não pode pedir uma pizza, várias pizzarias os motoboys não entregam lá. Não podem realizar uma compra pela Internet, pois não tem CEP. São pessoas segregadas”.
 
Ele pediu uma intervenção do Governo Municipal, com o intuito de solucionar o problema.
 
Em contrapartida, o líder do Governo na Casa, Marcos Lima (Patriota), afirmou que o Governo está trabalhando em prol dessas pessoas.
 
“O vereador falou aqui da deficiência da Embasa no Residencial Campo Belo, que a concessionária está cobrando sem encaminhar o recibo. É importante falar isso, mas deve saber que a Embasa é de competência do Estado e não do Município. A água e saneamento são comprados e não dados. O prefeito encaminhou um Projeto de Lei determinando que todo ao redor dos residenciais devem ser pavimentados. Sei também que o transportes nestes conjuntos é regular. Não ouço reclamações em relação a isso”, frisou.


Câmara Municipal LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje