Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, sexta, 19 de abril de 2019

Educação

Moradores de rua buscam qualificação profissional através de cursos do Cicaf

08 de fevereiro de 2019 | 15h 36
Moradores de rua buscam qualificação profissional através de cursos do Cicaf
Foto: Divulgação
Cursos profissionalizantes oferecidos pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (sedeso), através do Centro Integrado de Capacitação e Apoio ao Adolescente e Família Professora Gilza Melo (Cicaf), são a porta de entrada para 12 moradores em situação de rua ingressarem no mercado de trabalho. Com isto também a perspectiva do governo do prefeito Colbert Martins Filho é de que estas pessoas retornem ao convívio familiar.
 
A iniciativa foi definida pelo secretário licenciado de Desenvolvimento Social (Sedeso), Ildes Ferreira, ao ressaltar a importância da inclusão social a partir da preparação da mão-de-obra e da oportunidade de inserção dos moradores em situação de rua no mercado de trabalho, tanto como empregados quanto autônomos, algo que os cursos do Cicaf possibilitam.
 
O encaminhamento aos cursos profissionalizantes está sendo realizado com intermédio do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua Elisabete Gomes Martins (Centro Pop), equipamento da Sedeso. A coordenadora Ediane Sibele Santos explica que os cursos mais procurados pela população em situação de rua são de corte de cabelo, informática e garçom.
 
O chefe da Divisão de Proteção Social Especial da Sedeso, Roque Moraes, observa que a iniciativa contribui definitivamente para a saída destas pessoas das ruas, através de uma ação que eleva a autoestima.
 
Oficialmente, as matrículas no Cicaf serão abertas no período de 11 a 15 deste mês, das 8 às 12 e das 14 às 17hs. Entretanto, como público prioritário, os demandatários assistidos pelo Centro Pop já foram encaminhados para o cadastro reserva.
 
Estão sendo oferecidas 720 vagas, distribuídas entre 13 cursos profissionalizantes, destinados tanto aos adolescentes quanto aos seus familiares. E os candidatos devem comparecer apresentando cópias do CPF, RG e comprovante de residência, além de espelho do NIS ou do cartão do Bolsa Família.


Educação LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje