Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, sexta, 16 de novembro de 2018

Saúde

Pacientes de hemodiálise dançam hit com equipe de tratamento e vídeo faz sucesso na web

06 de novembro de 2018 | 14h 32
Pacientes de hemodiálise dançam hit com equipe de tratamento e vídeo faz sucesso na web
Foto: Reprodução
A equipe de uma clínica particular de Feira de Santana, achou um jeito nada convencional para ajudar os pacientes durante a hemodiálise. Pelo menos uma vez por dia, o grupo passa em todas as cinco alas da unidade de saúde dançando o hit "Solta a Pisadinha".
 
Tudo começou porque, preocupados com os pacientes, os funcionários da área de saúde resolveram dançar para humanizar um pouco o tratamento. É que os pacientes enfrentam uma rotina cansativa, com hemodiálise ao menos três vezes por semana. O processo dura até quatro horas. Agora, enquanto as máquinas filtram o sangue, os pacientes se divertem.
 
Estimulando e animando os pacientes com a brincadeira, a equipe também ficou famosa na internet. Uma das danças foi compartilhada nas redes sociais e viralizou. Feito no dia 1º de novembro, o vídeo já tem mais de 16 milhões de visualizações. O sucesso foi tanto que ele ficou conhecido como "Pisadinha da Hemodiálise".
 
"Dezesseis milhões de visualizações, muitos compartilhamentos e os comentários repletos de carinho. As pessoas elogiando a animação dos pacientes, a animação da equipe, e isso é muito legal", contou a assistente social Juliana Borges.
 
O médico Túlio Carvalho explica a importância da ação no atendimento.
 
"É um tratamento difícil, mas é um tratamento humanizado, que facilita. Esse tempo é reduzido com muita alegria"
O benefício é reconhecido pelos pacientes, que passaram a pedir a dança, como conta a assistente social Juliana Borges.
 
"Se não tiver a pisadinha, eles reclamam. Todos querem gravar, todos ficam perguntando, ansiosos: 'Quando é que vai ter a pisadinha do nosso turno?'"
Os pacientes dizem que a brincadeira ajuda a relaxar e o tempo parece passar mais rápido. "Alegra bastante. Gostei, gostei muito. Foi muito bom. É só tocar e a gente, na pisadinha", falou Lilian Capristiano.


Saúde LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje