Com baixo efetivo, PF não sabe como dará conta da segurança dos 13 candidatos ao Planalto - Tribuna Feirense

Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, sábado, 18 de agosto de 2018

Política

Com baixo efetivo, PF não sabe como dará conta da segurança dos 13 candidatos ao Planalto

09 de agosto de 2018 | 08h 26
Com baixo efetivo, PF não sabe como dará conta da segurança dos 13 candidatos ao Planalto
Foto: Polícia Federal/ Divulgação

A Polícia Federal terá de oferecer segurança aos 13 candidatos à Presidência da República, até o dia 7 de setembro, mas diante da grande quantidade de concorrentes ao Planalto para a próxima eleição, ainda avalia como dará conta da demanda.

Segundo a coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de S. Paulo, a corporação alega não dispor de efetivo suficiente para cumprir com a missão.

O ministro da Segurança Pública Raul Jungmann (MDB) falou que: “É uma mega-estrutura […] Não temos como dar cobertura a todos os candidatos o tempo todo”.

“Temos 12 policiais federais disponíveis para a segurança dos candidatos em SP. Se todos os presidenciáveis resolverem ir para o estado no mesmo dia, o que fazer?”, questionou o chefe da pasta citando o que ocorreria em apenas um dos diversos cenários que colocam a missão da corporação em "dúvida" durante esta corrida ao Palácio do Planalto deste ano.



Política LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje