Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, domingo, 09 de agosto de 2020

Mundo

EUA suspende exportação de carne fresca brasileira

23 de junho de 2017 | 15h 42
EUA suspende exportação de carne fresca brasileira
Foto: Reprodução
O governo dos Estados Unidos anunciou nesta quinta-feira (22) ter suspendido todas as importações de carne in natura do Brasil. Segundo informações do jornal O Globo, a medida foi confirmada em comunicado emitido pelo secretário de Agricultura dos EUA, Sonny Perdue, que sinalizou "preocupações recorrentes sobre a segurança dos produtos destinados ao mercado americano".
 
O país reabriu o mercado para a carne fresca brasileira no ano passado, após mais de 10 anos sem importar o produto. As autoridades estadunidenses informaram que a suspensão de remessas continuará em vigor até que o Ministério da Agricultura do Brasil tome medidas corretivas que os sejam consideradas satisfatórias.
 
O Serviço de Inspeção e Segurança de Alimentos dos Estados Unidos informou que todos os produtos de carne estão sendo inspecionados desde março e que 11% das mercadorias foram rejeitadas. "Esse valor é substancialmente superior à taxa de rejeição de 1% das remessas do resto do mundo. Desde a implementação do aumento da inspeção, foi recusada a entrada para 106 lotes de produtos bovinos brasileiros devido a problemas de saúde pública, condições sanitárias e problemas de saúde animal. É importante notar que nenhum dos lotes rejeitados chegou ao mercado norte-americano", afirma a nota. Na última quarta (21), o Ministério da Agricultura brasileiro já havia anunciado que suspendeu as exportações de carne de cinco frigoríficos para os Estados Unidos desde a semana passada.
 
A pasta afirma que o mecanismo de "autossuspensão" permite que as exportações sejam retomadas de forma mais rápida, após a solução dos problemas. O ministro Blairo Maggi afirmou ainda que vai viajar aos EUA para prestar todos os esclarecimentos necessários.


Mundo LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje