Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, sábado, 21 de setembro de 2019

Bahia

Parque Castro Alves bate recorde de visitação

08 de abril de 2015 | 11h 37
Parque Castro Alves bate recorde de visitação
O parque é administrado pelo IPAC, da Secretaria de Cultura do Estado

Entre os dias 1º e 31 de março, o Parque Histórico Castro Alves, localizado no município de Cabaceiras do Paraguaçu (170km de Salvador), registrou uma marca de visitações superior à média mensal. No total, 5.974 pessoas passaram pelo espaço, entre elas, o Governador Rui Costa, que visitou o museu biográfico no início desse mês, acompanhado de comitiva formada por autoridades, como o senador Otto Alencar e o presidente da Assembleia Legislativa da Bahia, Marcelo Nilo. Lá, o grupo conheceu o acervo composto por diversos objetos que pertenceram ao poeta baiano e seus familiares.

 

"O lugar é muito bonito e está muito bem conservado. O parque é um patrimônio que deve ser visitado por todas as pessoas, pois guarda uma memória cultural muito valiosa", afirmou o senador Otto Alencar durante a caminhada pelos jardins do Parque no dia 07 março, quando acompanhou o governador durante a visita.

 

O acervo do museu biográfico que tem fotografias, cartões-postais, manuscritos, livros, trajes, adornos pessoais, utensílios domésticos e artes visuais, chamou a atenção dos visitantes, principalmente do governador Rui Costa, que se interessou pelo manuscrito do poema 'Ao meu irmão Guilherme de Castro Alves'.

 

GESTÃO de MUSEUS-  O parque integra um conjunto de museus e espaços públicos administrados pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (IPAC), da Secretaria de Cultura do Estado (SecultBA). "Estamos desenvolvendo proposta de gestão desses espaços para trazer linguagens artísticas, mais diálogo institucional e maior ocupação desses equipamentos pelo público; o parque já atende a região, aglutinando diversificadas demandas de 15 municípios do entorno", esclarece o diretor geral do IPAC, arquiteto João Carlos.

 

A média de visitação mensal do parque gira em torno de 3 mil visitantes vindos de Cabaceiras, Cruz das Almas, Governador Mangabeira, Santo Estevão e Cachoeira. A coordenadora do parque, Diogenisa Oliva, explica que em março o fluxo cresceu por conta da comemoração do aniversário de 168 anos do nascimento de Castro Alves. O parque também oferece oficinas gratuitas de teatro às quartas-feiras, das 14h às 17h, e visitas guiadas com a equipe do museu que faz contação de histórias com crianças.

 

HISTÓRIA - O parque está implantado na fazenda onde Castro Alves nasceu, em 52 mil metros quadrados de área. No acervo, objetos do poeta e familiares. A biblioteca tem 700 títulos. Em março, sempre acontece o Festival de Declamação de Poemas. O parque funciona de terça a sexta, das 9h às 12h e das 14h às 17h. Sábados, domingos e feriados, das 9h às 14h. Mais informações via parquecastroalves@gmail.comou telefone (75) 3681-1102. Saiba mais sobre as ações do IPAC no site www.ipac.ba.gov.br, Facebook Ipacba Patrimônio e Twitter @ipac_ba.



Bahia LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje