Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, segunda, 17 de fevereiro de 2020

Geral

Empresas de ônibus não depositam FGTS há dois anos

13 de março de 2015 | 09h 02
Empresas de ônibus não depositam FGTS há dois anos
LEIA TAMBÉM: Princesinha e 18 de setembro querem barrar licitação dos ônibus
 
Não é só ao município que as empresas de ônibus devem (se bem que elas dizem que é o contrário, o município é quem deve a elas). Só o FGTS já está com dois anos de atraso, de acordo com o presidente do Sindicato dos Rodoviários, o vereador Alberto Nery (PT). Ele também já declarou que Princesinha e 18 de setembro estavam descontando parcelas de empréstimo consignado na folha de pagamento, sem repassar o dinheiro aos credores, fazendo com que o nome dos rodoviários ficasse inadimplente.
 
O sindicalista afirma que mesmo assim não tem preferência sobre qual empresa será responsável pelo setor, desde que sejam garantidos os direitos dos trabalhadores, inclusive as rescisões.
 
Pelas informações obtidas pelo sindicato, demonstraram interesse no edital CG Transportes e Transoares (ambas do grupo do empresário Sebastião Soares, que já trabalha para o município fazendo transporte escolar), Vitória Transportes, de Sergipe (que teria se desinteressado devido à grande presença de clandestinos na cidade) e mais duas ou três.
 
Para participar da licitação não se pode chegar na hora com um envelope com proposta. É preciso demonstrar interesse antes e receber uma visita de técnicos da secretaria, que vão checar se a empresa preenche os requisitos mínimos do edital.
 
A Tribuna Feirense tentou saber da prefeitura quantos concorrentes se habilitaram, mas um dos funcionários responsáveis pelas visitas afirmou que somente o secretário de Transportes poderia falar. O secretário, major Tuy, não atendeu nossas ligações.


Geral LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje