Tribuna Feirense

  • Facebook
  • Twiiter
  • 55 75 99801 5659
  • Feira de Santana, quinta, 13 de agosto de 2020

Política

Trabalho da PM é incompreendido quando morrem criminosos, segundo Geilson

18 de dezembro de 2015 | 17h 56
Trabalho da PM é incompreendido quando morrem criminosos, segundo Geilson

O trabalho da Polícia Militar é “muitas vezes incompreendido, injustiçado”, principalmente quando ocorrem mortes de criminosos. É o que pensa o deputado estadual Carlos Geilson (PSDB). “É preciso ter cuidado com a inversão de valores, quando há uma defesa exagerada do criminoso e uma condenação implacável do policial, que tem todo o direito de reagir e se defender, de preservar sua vida”, alega.

Ele ressaltou que “é preciso cuidado na avaliação do trabalho do policial, que está tendo confrontos diários com perigosos bandidos”. Mas reconheceu que alguns policiais abusam da autoridade, cometem exageros, mas não a maioria. “Vamos exigir que o comando puna os maus policiais, mas não vamos condenar os que cumprem com seu dever”, recomenda.

O deputado destacou que desde o ano passado, 43 PMs foram mortos na Bahia. “Foram 30 em 2014 e 13 até outubro agora de 2015, números que expressam o quanto a polícia também tem sido vítima da incontrolável violência urbana”, exclamou.



Política LEIA TAMBÉM

Charge da Semana

CHARGE DO BOREGA

As mais lidas hoje